select
Kasper K. Frederiksen, Operations Manager at Fredericia Spildevand og Energi A/S

Facilidade no tratamento de águas residuais com a LINAK

A segunda maior estação pública de tratamento de água da Dinamarca mudou o controle de válvulas com os atuadores LINAK para facilitar o dia-a-dia e economizar e tempo e dinheiro.

O manuseio de 10 milhões de metros cúbicos de águas residuais por ano - de 380 mil cidadãos e de várias indústrias - exige uma estação de tratamento realmente confiável, com funcionamento de quase tempo integral. Em Fredericia, Dinamarca, a utilização dos atuadores LINAK mudou o funcionamento de uma estação local, melhorando a disponibilidade geral e minimizando os custos operacionais e de serviços.

Atuadores elétricos são mais fáceis de manter
Ser capaz de atender e operar um sistema complexo de manuseio e tratamento de águas residuais internamente faz uma tremenda diferença no gerenciamento do dia-a-dia. É mais rápido e ajuda a diminuir a inatividade.

“É importante para nós poder controlar e atender o processo o máximo possível”, diz Kasper K. Frederiksen, gerente de operações da Fredericia Spildevand og Energi A/S. Ele participou do projeto de troca dos atuadores antigos por LA36 da LINAK.

“Testamos o atuador da LINAK em diferentes partes da estação de tratamento e percebemos o aumento na flexibilidade, já que agora somos capazes de fornecer todo o serviço”. 

Atuadores instalados rapidamente
Alguns dos atuadores LA36 são colocados na saída orgânica no lavador de areia do sistema. As válvulas são abertas a cada seis horas para esvaziar o lavador de areia para material orgânico. Há também um atuador na estação receptora, para impedir retorno de lodo no sistema. Kasper K. Frederiksen também instalou vários LA36 no soprador, onde eles - colocados no cano gub - ajudam a separar o ar entre os dois tanques. Independentemente da localização ou da função na estação, Frederiksen considerou a instalação dos atuadores LINAK muito fácil.
LINAK actuators

“Foi surpreendentemente fácil instalar e colocar os novos atuadores para funcionar. Depois dos dois primeiros, onde aprendemos como instalar, o resto foi muito rápido. Acho que o último foi instalado e colocado em funcionamento em 15 minutos.”

Diminuição de custos
A estação em Fredericia também lida com águas residuais das grandes indústrias da região. Isso cria alterações frequentes na quantidade de trabalho durante o dia. O maquinário tem que ser capaz de suportar cargas extras de água algumas vezes. Isso significa que o sistema todo precisa de ajustes contínuos.

Uma das vantagens dos atuadores LINAK é que eles não custam muito na hora de ligar e desligar”, explica Kasper K. Frederiksen. Ele continua:

“Outros equipamentos só podem ser regulados quatro vezes a cada hora e isso não é suficiente. É claro que podemos comprar equipamentos que podem ser regulados diversas vezes, mas eles são muito caros. Com a LINAK temos uma alternativa mais barata com uma maior flexibilidade de ajuste, e isso é muito importante para nós quando existem alterações no fluxo de água” 

O projeto na estação de Fredericia começou em 2013 como piloto e, segundo Frederiksen, provou valer a pena muitas vezes desde então. 

“Definitivamente, é vantajoso ter uma solução que requer manutenção mínima. Além disso, podemos lidar com ela facilmente”, ele conclui.

Para Kasper K. Frederiksen e sua equipe, o projeto continua e a LINAK ampliará suas atividades no tratamento e manuseio de águas residuais durante 2018 - com base nas experiências da Fredericia Spildevand og Energi A/S.

Para saber mais sobre como os atuadores LINAK para válvulas podem melhorar estações de tratamento de águas residuais, não hesite em entrar em contato com seu distribuidor LINAK.